Image Map

segunda-feira, 3 de julho de 2017

(Resenha) Marcas da Vida - Natalia Moreno

Título: Marcas da Vida 
Autora: Natalia Moreno
Ano: 2015
Páginas: 118
Editora: Novo Século Editora

Sinopse: Marcas da vida conta a história de Lilian, uma atriz no auge da carreira, que vê sua vida ser destruída quando sofre um acidente de carro. Com um contrato cancelado e cheia de contas a pagar, Lilian torna-se professora de teatro. Segue sua vida sem grandes aspirações até que uma aluna nova reacende nela o sonho de ter uma família.

A professora, esperançosa, mas ainda marcada pelas tragédias de sua história, embarca em relacionamento com Marcos, um publicitário bem-sucedido, cercado de prestígio e belas mulheres. Para não desistir da felicidade, Lilian terá de lidar com os seus fantasmas e se enxergar além do que vê no espelho. 

***

Lilian está no auge da carreira e vivendo um romance dos sonhos com o Heitor, mesmo que a futura sogra seja contra e viva a humilhando por não considerá-la a altura do seu filho.
Ao sofrerem um acidente o sonho é desfeito e a vida da Lilian se transforma totalmente. Ela passa a ter pesadelos constantes com a tragédia que lhe roubou o seu amor. Fica com cicatrizes no rosto e nos braços. Perde o emprego na novela.
Com tudo isso acaba tendo que recomeçar a viver primeiro com um novo trabalho como professora de teatro infantil e depois se permitindo amar novamente.
Marcos também passou pelo processo da dor de perder a pessoa amada, mas ficou com uma parte preciosa dela na sua vida na forma da sua filhinha Ana.
Quando os caminhos dos dois se cruzam faz com que ambos vejam que chegou o momento de curarem as feridas e abrirem seus corações para o amor.
Para o Marcos a cura é aceita mais fácil, pois sua perda foi há mais tempo. Como dizem o tempo é o nosso melhor conselheiro e mestre. A Lilian precisou refletir mais até perceber que não adiantava negar o sentimento que aflorou em sua alma ao conhecê-lo.
Na história a Lilian recebeu o apelido de anjo, mas para mim o verdadeiro ser alado era a pequena Ana, pois foi ela com o seu toque especial quem conseguiu atingir o âmago da Lilian e a aproximou do seu pai.
O que posso dizer para definir esta obra é que ela é perfeita. Esta é a característica que mais admiro na autora: Ela consegue transmitir em poucas páginas (neste livro são 118) mais lições edificantes que muitos autores que escrevem verdadeiras enciclopédias (com 300 ou mais páginas) e não passam nem uma pequena parte deste ensinamento.
Nós vivemos numa sociedade onde a beleza física é o que conta. Não importa se a pessoa tem uma alma boa ou má. Fomos criados assim, para valorizarmos a aparência.
Mas existem alguns raros seres que vêem além e conseguem enxergar a beleza onde os outros vêem a feiúra.
O que deveríamos nos preocupar em ensinar aos nossos filhos é exatamente esta diferença: enxergar a outra pessoa sem dar importância a sua imperfeição.
Uma marca ou uma cicatriz não deve ser usada como classificação de feiúra, pois o que mais vemos são pessoas de rostos lindos e almas tenebrosas.
Não é a aparência física considerada perfeita que deve determinar se a pessoa tem ou não o direito de ser amada. Nem ser mais valorizada do que o caráter.
Outra mensagem importante transmitida com esta história é que não devemos trancar o nosso coração após uma perda. Temos o direito de vivenciar o luto, mas não podemos permitir que a dor amargure a nossa alma.
Isso não quer dizer que a pessoa tenha que se obrigar a ter um novo relacionamento. Apenas que ela não deve impedir o desenvolvimento de um novo amor na sua vida. Ter medo de sofrer novamente por causa de uma possível nova perda é jogar a segunda ou terceira ou quarta chance que o destino está lhe proporcionando para ser feliz.
É lógico que existem muitas pessoas que amam apenas uma única vez na vida e que podem ser felizes vivendo sozinhas depois que ocorre a separação física da sua outra metade.
No amor não existem regras. Apenas o sentimento a ser sentido.
Esta história nos mostra que a futilidade de exigir a perfeição física deve ser revista. As marcas e cicatrizes que carregamos no corpo são lembretes de algo ruim que aconteceu, mas que nos permitiu vencer mesmo que tenha ocorrido uma perda.
As marcas deixadas na alma é que devem ser consideradas as primeiras a serem curadas pela família e pelos médicos. E nós temos que nos preocupar com as marcas que deixamos na vida das pessoas e não com as que elas carregam no corpo.
Não importa se o outro tem uma cicatriz no rosto ou uma queimadura em alguma parte do corpo. Ou se lhe falta algum membro. Ou se ela é gorda ou magra.
Valorizar em demasia a aparência é preconceito.
Espero sinceramente que esta obra fique marcada na vida de cada um que se disponibilizar a abrir o seu coração para conhecê-la.



Um leve bater de asas *O:-) anjinho  *O:-) anjinho  para todos!!!!

Khrys Anjos

quarta-feira, 28 de junho de 2017

(Resenha) O corpo, seu bicho inteligente - Luiz Gasparetto

Título: O corpo, seu bicho inteligente

Autor: Luiz Gasparetto

Ano: 2017

Páginas: 264


Editora: Vida e Consciência




Sinopse: Em "O corpo, seu bicho inteligente", Gasparetto revela que nosso corpo é uma estrutura complexa, com inteligência extraordinária — separada da nossa inteligência mental —, e capaz de nos manter vivos.

Conhecido como “bicho”, ele age exatamente como um animal que precisa ser dominado, disciplinado e educado para que trabalhe a nosso favor, fazendo de nós pessoas mais preparadas para conquistar o que mais queremos nesta vida. Por meio da obra, o autor visa ajudar você a ser uma pessoa mais completa, saudável e poderosa, capaz de dominar os dons que a natureza lhe deu.



***




Podemos classificar esta obra como única, pois fala do que temos de mais importante na nossa vida e que na maioria das vezes não damos a menor atenção: o nosso corpo. Aqui ele nos é apresentado como o bicho inteligente.

Estamos tão acostumados a centrar a nossa atenção no que vive fora da gente que não percebemos que o essencial para tornar a nossa existência perfeita nós já possuímos.

O bicho corresponde a essência humana. É ele que determina nossos atos, pois cria a nossa realidade.

A mente está ligada ao bicho por isso deve ser trabalhada para dominá-lo e adestrá-lo a nosso favor.

Quando não o controlamos ficamos a mercê da sua perspicácia e ele nos mostra através de uma doença que o caminho que estamos percorrendo não é o adequado para nós.

Mas ele não faz algo que vá contra o que acreditamos. São as nossas crenças que limitam o seu movimento. O nosso pensamento é que determina o seu campo de ação.

Quando nos colocamos no papel de vítima ele fica impossibilitado de realizar o seu trabalho, pois nós o obrigamos a parar.

Quanto mais focarmos a mente nos pensamentos negativos, depreciativos e miseráveis nos tornamos exatamente isso.

As pessoas acham que a classificação de miserável se dá para quem vive na pobreza. Porém o pior tipo de miserável é aquele pobre de espírito. Vive reclamando de tudo e todos. Coloca a culpa de todas as coisas que acontecem na sua vida nos outros.

O pensamento é o nosso maior aliado para transformamos a nossa vida. Quando mudamos a nossa forma de pensar sobre alguma coisa a energia flui diferente e o corpo reage.

Se não dermos a devida atenção ao bicho ele irá nos fará parar através de alguma doença para podermos perceber o que estamos fazendo com a nossa vida.

O bicho é caracterizado como a nossa sombra, pois ele é o que permite a luz existir e expandir dentro de nós.

Este livro tem como objetivo fazer o leitor querer se aprofundar no estudo se si mesmo e descobrir o poder oculto dentro dele.

Para que a inteligência do bicho propicie este conhecimento precisamos abrir a nossa mente para ele. Fazer com que os dois trabalhem em harmonia.

Não é algo fácil de fazer, pois estamos adestrados a agir da maneira habitual de não dar atenção ao nosso corpo. Mas com disciplina e vontade poderemos mudar nossa maneira de pensar. Consequentemente nossas atitudes também irão mudar.

O exercício para visualizar o bicho deve ser feito sem pretensões. Caso a pessoa queira ver um leão pode ficar decepcionado se a imagem que lhe aparecerá for a de uma formiga. O bicho pode estar querendo lhe mostrar que a humildade deve ser a nossa melhor virtude e todos os animais têm a sua força e importância na natureza.

O ser humano é considerado o animal racional, mas não utiliza nem metade desta habilidade. Agimos por instinto e depois reclamamos das consequências.

Podemos dar um rumo diferente para a nossa vida ao darmos mais valor ao nosso corpo. Ao ouvirmos a voz do nosso bicho que não fala com palavras, mas com atitudes e gestos. E se não o escutarmos estaremos propícios a fazermos uma visita ao leito de um hospital para nos fazer perceber que a ligação deve ser restabelecida.

A foto da capa ficou perfeita, pois simboliza o ser humano dominando o bicho. Todo o poder da força interior extravasando no olhar.



Um leve bater de asas *O:-) anjinho  *O:-) anjinho  para todos!!!!

Khrys Anjos

quarta-feira, 14 de junho de 2017

(Resenha) O Mago - O Guardião dos 22 segredos - Luísa Jourdain

Titulo: O Mago - O Guardião dos 22 segredos

Autora: Luísa Jourdain

Editora: Chiado Editora

Ano: 2015

Páginas: 670

Literatura estrangeira: Português de Portugal



Sinopse: Lisboa, ano de 2010. Próximo do Natal, o inverno promete ser longo, frio e sombrio. Bernardo de Vila Nova, psicólogo e cidadão do mundo, não imaginava o que o esperava ao chegar a casa e sentar-se no velho sofá com um livro novo nas mãos.
Helena Pereira, estudante e taróloga, dispunha as cartas do Tarot sentada no chão do seu quarto. Estava longe de adivinhar o que ia acontecer quando uma das cartas lhe saltasse das mãos. Invocados pelo Zodíaco, viajam no tempo à mística Provença Medieval ao encontro de uma ordem esotérica de magos e feiticeiras.
Rodeados de magia, recebidos por um astrólogo, um alquimista e um professor, protegidos pelas feiticeiras da Força, da Justiça e da Temperança, seriam iluminados pelo conhecimento antigo e assistiriam à criação do Tarot de Marselha.
Ao longo de destemidas aventuras, enfrentam poderosas personagens e assistem, ao vivo, à criação dos arquétipos dos arcanos maiores do Tarot.
Que segredos trouxeram? Que magias revelaram?
O que muda, cresce e enaltece no Ser quando se transforma num viajante do tempo e percorre os caminhos fantásticos da alma oculta e da mente iluminada.





*** 



Bernardo é o primeiro a ser levado nesta viagem no tempo, pois os Magos precisam da sua autorização para levar a sua pupila de encontro ao seu destino.

Ele conhece as Feiticeiras, os Magos e seus pajens. Nasce um laço de irmandade muito forte entre ele e o jovem Amadeus.

Quando Helena chega tem uma surpresa desagradável por ser recebida pelo ser do Mal em pessoa. Mas ela percebe que nem tudo o que vemos é realmente a verdadeira face de uma pessoa.

No decorrer da trama os dois passam por situações que colocam os conceitos que eles têm sobre vários assuntos em um debate interior. Principalmente o Bernardo que apesar da namorada ser uma taróloga não está familiarizado com o os arquétipos do Tarot.

Cada um dos personagens que eles encontram mostram as duas personalidades de cada carta do Tarot de Marselha.

E no final da viagem eles voltam para casa transformados em seres melhores e com uma experiência que os torna conhecedores de si mesmos.

Esta é a mensagem principal desta obra. Somente quem conhece o seu lado negro pode ser verdadeiro com os seus sentimentos.

Não adianta negarmos que possuímos o Mal dentro de nós, pois ele faz parte do nosso ser. O ser humano é constituído de duas metades que se completam e não existem uma sem a outra.

É a dualidade do Bem e do Mal, do Yin e do Yang, do Preto e do Branco, da Luz e da Treva.

Quando nos dispomos a entrar dentro de nós mesmos para conhecermos a fundo quem somos temos que estar preparados para enfrentar o que preferimos deixar escondido.

Ao superarmos este limite conseguimos ver o mundo de uma forma diferente, pois passamos a entender que a outra pessoa também tem esta dualidade a ser equilibrada.

Para quem está habituado a percorrer o caminho do esoterismo e estuda o tarot irá encontrar aqui uma excelente fonte de conhecimento. E para quem estuda a psicologia terá um oceano de conhecimento.

Os personagens mostram como é a estrada que leva ao aprimoramento do ser e como nós somos relacionados com cada arquétipo do tarot ao longo da nossa vida. 
Em todas as situações do nosso cotidiano temos a chance de reconhecer determinada atitude ou pensamento que remete a um dos arquétipos.

Saber equilibrar a balança da dualidade deve ser a nossa principal meta a ser aprendida.

Nem sempre quem consideramos ser o Mal, realmente é. Assim como nem todo ser que vive pregando o Bem está imune a praticar o Mal também.

A mente humana é um vasto campo e as possibilidades de personalidades são infinitas. O que pensamos hoje pode mudar amanhã.

Bernardo é um psicólogo, mas só passa a se conhecer de verdade quando admite a existência da magia.

Nós estamos tão habituados a não enxergarmos além do que os nossos olhos vêem que negamos o poder que a magia possui. Ela existe para quem acredita nela e é capaz de transformar uma pessoa num ser humano melhor quando ele a aceita na sua vida e a respeita como parte de si mesmo.

A viagem no tempo até a Era Medieval é necessária para fazer com que tanto o Bernardo quanto o leitor resgatem esta força que transcende o real. A magia do Tarot é capaz de nos mostrar o caminho, mas é a nossa mente que nos direcionará a segui-lo.






Um leve bater de asas *O:-) anjinho  *O:-) anjinho  para todos!!!!

Khrys Anjos

segunda-feira, 12 de junho de 2017

(Divulgação) Projeto incrível para ajudar os animais

Oi Galera.





Espero que vocês já tenham lido algo sobre este projeto MARAVILHOSO que foi idealizado pela autora Katerine Grinaldi da Editora Sinna e está sendo organizado pela autora Camila Pelegrini.



Quem ama os animais em geral ou é apaixonado por cães fica se perguntando o que pode fazer para ajudar estes anjinhos que Deus enviou para ensinar a Humanidade a ser verdadeiramente Humana.

Foi com esta questão em mente que surgiu a ideia deste projeto. A Katerine chamou a Camila para juntas fazerem a diferença na vida de vários animais. E irão precisar da colaboração de todos nós.


Vou explicar em detalhes tudo o que pude arrecadar de informações sobre o projeto para que vocês o entendam e também se unam a causa em prol dos nossos anjinhos.


Ele funciona assim:


A pessoa vai até o site onde está sendo realizado o início do projeto https://www.catarse.me/os_animais_tambem_vao_ao_ceu_e7d6


Aqui temos a ideia básica do que se trata:


O projeto


*******

Agora a parte onde quem teve o coração tocado por esta causa e puder ajudar financeiramente. Caso não tenha condições de ajudar com dinheiro estará contribuindo e muito fazendo uma ampla divulgação em suas redes sociais e entre familiares e amigos:


Como ajudar

Basta escolher algum dos kits de acordo com as recompensas que deseja obter.
Vejam alguns dos kits e saibam o que contém em todos:



Para R$ 10 ou mais
Anjo Apoiador
Não quero receber nada em troca, quero apenas contribuir. 

Recompensa: nome nos agradecimentos do livro. 



Para R$ 12 ou mais
Anjo leitor digital
PDF digital da Antologia

Agradecimentos no livro.



Para R$ 20 ou mais
Um anjinho de criança
- PDF da antologia "Os Animais também vão para o céu"

- PDF de "Alex Young e a Criança de Fogo", do autor Kim P. Santiago
- Agradecimentos no livro



Para R$ 25 ou mais
Papai/Mamãe leitor digital
E-book da antologia “Os Animais também vão para o céu” 

2 marcadores 
Cartão postal 
Não Perturbe 
1 gravata ou lacinho (à sua escolha) para seu animal de estimação



Para R$ 35 ou mais



Para R$ 45 ou mais
Anjinho trevoso
- 1 exemplar da Antologia "Os Animais também vão para o céu"; 

- 1 exemplar de Equilibrium, do autor Décio Gomes
- 2 marcadores da antologia.



Para R$ 50 ou mais



Para R$ 50 ou mais


Para R$ 60 ou mais
Cat, um anjo majestoso
- 1 exemplar da Antologia "Os Animais também vão para o céu"; 

- 1 exemplar de Cat, meu amigo psicopata, da autora Malu Ghiraldeli 
- 1 exemplar de Majestade, a história do cavalo branco, da autora Malu Ghiraldeli 
- 3 marcadores da antologia.



Para R$ 60 ou mais
Querubins
- 1 exemplar da Antologia "Os Animais também vão para o céu"; 

- 1 exemplar de Querubins - A Sentença da Espada, da autora Martha Ricas
- 1 exemplar de Querubins - A Balança do Coração, da autora Martha Ricas
- 3 marcadores da antologia.



Para R$ 60 ou mais


Para R$ 100 ou mais em 3x s/ juros
Família completa
2 livros físicos da antologia “Os Animais também vão para o céu” 

5 marcadores 
Ecobag 
Cartão postal 
Não Perturbe 
1 mini chaveiro de patinha 
1 mini chaveiro de livro.



Para R$ 200 ou mais em 3x s/ juros
Anjo patrocinador
4 livros físicos da antologia “Os Animais também vão para o céu” 

15 marcadores 
Nome nos agradecimento 
Ecobag 
Cartão postal 
Não Perturbe 
1 mini chaveiro de patinha 
1 mini chaveiro de livro 
1 caneca.



Para R$ 400 ou mais em 3x s/ juros
Anjo do dia-a-dia
Essa recompensa é para você que tem um pet shop ou uma empresa que ajude diariamente nossos anjos de focinho. 

- 5 livros físicos da antologia "Os Animais também vão para o céu"
- 25 marcadores 
- Logo da sua empresa no livro 
- Nome da sua empresa nos agradecimentos 
- 1 mini chaveiro de patinha 
- 5 chaveiros mini livros



Período de campanha
06/05/2017 - 05/07/2017 (60 dias)


Brindes que serão feitos exclusivamente para os apoiadores no Catarse:
- Ecobag
- Não Perturbe
- Cartão Postal
- Chaveiro mini livro
E mais: em alguns kits, ainda daremos mimos para seus animais.



*******

Como podem ver além de ajudarem na realização do projeto e as instituições que irão receber o dinheiro arrecadado com a venda dos exemplares irão receber em casa os livros e mimos referentes ao kit escolhido.

Este é o grande diferencial deste projeto. Esta arrecadação no Catarse é para a publicação de 600 exemplares na Bienal. E o dinheiro da venda dos livros será distribuído entre as instituições que foram devidamente escolhidas.

Assim todo mundo sai ganhando e os animais mais ainda.

Então venho através deste post pedir a todos vocês leitores do blog que entrem nesta batalha e se tornem guerreiros nesta causa. Espalhem a novidade e se transformem também em anjos na vida dos anjinhos peludos.


Não posso deixar de agradecer IMENSAMENTE a Katerine por este projeto. A generosidade e o amor estão transbordando nesta sua atitude. E não poderia ter escolhido uma autora melhor para organizar esta tarefa do que a minha irmãzinha caçula, a Camila.

Tenho um orgulho muito grande em divulgar este trabalho e espero sinceramente que todos participem à sua maneira. E que este exemplo seja seguido por outras pessoas.

Não basta dizer que ama tem que fazer algo por eles. Podemos ajudar com dinheiro ou com a divulgação. Ambas contribuições são mega importantes.



Assistam neste vídeo a chamada para participar do projeto:





Agora é com vocês. Ajudem como puderem.




Um leve bater de asas *O:-) anjinho  *O:-) anjinho  para todos!!!!


Khrys Anjos

sexta-feira, 2 de junho de 2017

(Resenha) Ídolos de barro - Ana Cristina Vargas

Título: Ídolos de barro 

Autora: Ana Cristina Vargas

Ano: 2017

Páginas: 432

Editora: Vida & Consciência



Sinopse: Saiba como uma mulher bela, talentosa, envolvente e decidida utiliza poderes da sedução para conquistar a glória nos palcos de Paris durante a Belle Époque e oculta de si mesma a ânsia profunda de amar e ser amada. Inesperadamente, ela reencontra um amor de muitas existências, desencadeando dilemas entre a paixão e a fama, entre vivenciar profundos sentimentos ou a superficialidade da experiência material, entre o imortal e o transitório. Arte, fama, poder, sentimentos vividos na marginalidade, reencarnação e uma tocante lição de fé na força do amor são os convites maiores registrados nestas páginas.




***  




Neste livro não temos apenas uma história escrita. Temos uma verdadeira narrativa de vida.

São inúmeras as lições a serem absorvidas pelos leitores através das experiências vividas por cada personagem. E alguns de forma especial.

Irina chega a Paris fugindo do passado e decidida a se tornar uma estrela. Para isso não se importa com os meios a serem utilizados para conquistar a fama e a riqueza.

Continua a levar a vida de prostituta que vivia na Rússia só que agora com mais glamour. Se torna dançarina e as portas para a glória do estrelato são abertas para ela.

Usa seu corpo como instrumento para conseguir alcançar o seu objetivo e faz dos homens seus meros brinquedos que a proveem com jóias e dinheiro.

Quando reencontra sua alma gêmea que a acompanha por várias existências entra em conflito com ela mesma. Ao aceitar o relacionamento com o Gaultier passa a agir de forma mais centrada e equilibrada. Mas a separação forçada do seu único amor a faz desistir de lutar e ela se joga no abismo do excesso: sexo, drogas e álcool.

Ela não estava preparada para o distanciamento astral e preferiu ir pelo caminho mais fácil: fugir através do esquecimento proporcionado pelas drogas.

No decorrer da história da vida da Irina caminhamos no meio da História da humanidade. Ela viveu durante o período mais conturbado e violento da nossa evolução. A Era Nazista.

E conforme a narrativa se aprofunda na vida da Irina vamos conhecendo alguns fatos sobre a época que não foram totalmente esclarecidos.

Em minha opinião Hitler não foi apenas o monstro que muitos classificaram. Ele foi o instrumento utilizado para ensinar a raça humana a ser mais humana. O mal gerado por ele e seus aliados permitiu que o bem fosse gerado também. Se não houvessem acontecido aquelas barbáries dentro e fora da Alemanha para exterminar os judeus e seus simpatizantes não haveriam surgida as pessoas dispostas a lutarem pela paz, as que se dispuseram a ajudar os refugiados a escaparem da morte, as que foram contra e não cruzaram os braços, as que tiveram a força para perseverar no caminho do bem para todos.

Foram muitas as atrocidades, mas também tiveram muitos heróis sem rosto ou sem nome que agiram em prol da justiça e que não recuaram diante da violência e da crueldade praticada contra o povo.

Hitler serviu como o peso necessário para equilibrar a balança onde estava o Bem sentado junto com as qualidades e virtudes. O outro lado precisava ser preenchido pelo Mal com os seus defeitos e pecados.

Esta é uma verdade indiscutível: Para que o bem exista é necessário que o mal nos atinja para que a nossa Luz se expanda e atraia a Luz das outras pessoas.

O bem vence o mal, mas o mal é essencial para que o bem viva. Ele não pode ser exterminado, pois assim o bem perde a sua valia.

E nós somos compostos destes dois lados da moeda. Temos tanto o bem quanto o mal vivendo dentro de nós. O que temos que fazer a cada dia é travarmos uma batalha para dominar e adestrar o mal para que ele não se apodere da nossa mente direcionando as nossas atitudes.

Uma coisa que sempre falo para quem me conhece é que o que um ser humano é capaz de fazer o restante da humanidade inteira também é capaz. Ou já praticou no passado, ou pratica no presente ou virá a praticar no futuro. Pois mesmo sendo seres individuais fazemos parte de um todo.

Como poderíamos desenvolver a caridade e a compaixão se não fossemos obrigados a presenciar as barbáries, as atrocidades e as crueldades das guerras.

No caso do Hitler ele externou seus preconceitos, foi fiel aos seus conceitos e criou um exército de seguidores para colocar seus planos em ação. Mas apenas ele foi considerado um monstro. As mãos que empunharam as armas e as drogas que exterminaram milhares de pessoas não tiveram rostos e seus donos não tiveram nomes. Ele foi um líder, mas seus seguidores não foram obrigados a fazerem o que fizeram.

Agora me digam o que mudou depois do fim da era nazista. O preconceito racial e a homofobia acabaram?

Nós continuamos arrastando esse câncer que corrói a humanidade e achamos que somente um tirado louco como o Hitler deve ser punido. Estamos acostumados a julgar e condenar os atos dos outros e esquecemos de olhar para dentro de nós mesmos.

Absolutamente tudo nesta vida é uma questão de escolhas. Esta é a principal mensagem desta obra.

Somos nós que determinados o nosso destino com as decisões que tomamos. Antes de reencarnarmos criamos um cronograma de atitudes para evoluirmos em cada área e ao encarnarmos simplesmente desistimos e vamos por um caminho que na maioria das vezes é o aparentemente mais fácil, porém ao ser analisado se mostra o mais difícil, pois nos arrasta para abismos onde a areia é movediça e a água está cheia de lodo.

O pior conselheiro que seguimos é a ilusão. Nós criamos um ser perfeito e o colocamos num pedestal para adorá-lo. E quando este ser se mostra diferente do que idealizamos ficamos chocados e irritados. Culpamos o outro pela ilusão sendo que quem a criou fomos nós mesmos. E fazemos isso com pessoas e situações.

A Irina utilizou exatamente desta artimanha para galgar a escadaria da fama e da fortuna. Ela usava a luxúria para enredar os seus amantes e eles iam ao seu encontro como moscas em volta de uma lâmpada.

Alguns personagens merecem um destaque muito especial nesta trama, por isso sugiro que prestem atenção nas lições transmitidas pela Marion, pelo Duvernoy, pelo Jean Paul, pelo Richard, pela Ryane e pela Laura. O Gaultier também se tornou um mestre ao longo da história.

Não tem como enumerar ou mostrar aqui nesta resenha as inúmeras lições. São aprendizados que farão uma grande diferença na vida de quem os incorporar no seu dia a dia através da reflexão e da mudança de atitudes.

Este livro não é para ser lido de forma leviana. É para ser lido atentamente permitindo que cada gota de sabedoria existente nele entre em nossas veias e faça parte de nós.

Esta obra é aquele tipo de leitura que nunca nos cansamos de ler. E deve mesmo ser lida e relida várias vezes, pois cada vez que a relermos iremos encontrar um novo pensamento para agregar a nossa evolução.

Aqui os ídolos são de barro, pois são seres humanos, e a história é a pedra bruta de diamante mais puro e valioso que a humanidade já teve o prazer de encontrar.

Terminei a leitura fazendo o gesto mais desejado pelos artistas que se apresentam num palco: aplaudindo de pé e pedindo bis.

Então não posso deixar de agradecer imensamente ao espírito José Antônio por escolher a história da Irina para nos proporcionar esta gama de aprendizado para as nossas vidas.



Um leve bater de asas *O:-) anjinho  *O:-) anjinho  para todos!!!!

Khrys Anjos