Image Map

terça-feira, 11 de março de 2014

(Resenha) Inia - Uma aventura amazônica - Marcela Marques Monteiro

Título: Inia - Uma aventura amazônica
Inia
Autora: Marcela Marques Monteiro

Edição: 1

Editora: Novo Século

Ano: 2013

Páginas: 296


Sinopse: Inia é uma tímida jovem de Sarasota-Flórida, que vive sua vida pacata até conhecer a brasileira Lena e seus amigos, que planejam escalar o Monte Roraima – montanha que fica na fronteira tríplice entre Guiana Inglesa, Venezuela e Brasil. Ela decide unir-se ao grupo nesta aventura e viaja para o Brasil. À medida que a escalada ao monte se inicia, ela começa a ter uma série de sonhos sobre um misterioso lago, onde torna-se amiga de um lindo boto cor-de-rosa e de pessoas que fazem parte das histórias e lendas contadas pelos integrantes do grupo. A jovem turista americana também conhece um guia enigmático que lhe provoca sensações estranhas: André, de pele rosada e sorriso fácil, possui um encanto que atrai todas as mulheres ao seu redor. Envolta nesse mundo exótico de lavrados e montanhas tão antigas quanto à própria Terra, ela mergulha no mundo fantástico dos mitos e das lendas amazônicas. 


*** 


Inia resolve seguir seus instintos e aceita o convite feito pela Lena para desbravar o Monte Roraima.

Após ser guia do grupo formado por Kel, Dolly, Cissa, Willy, Leandro, Luíza, João Pedro, Luana, Júnior, Raquely e Lena em Sarasota, sua cidade, ela começa sua aventura rumo ao mundo amazônico. Em Roraima mais quatro integrantes se juntam ao grupo André, Tino, Tom e Lou.

Conforme eles avançam em direção ao Monte, Inia vai sendo apresentada as lendas amazônicas: Boiúna, Boto-Rei e Beija-flor.

No decorrer da história nasce um amor místico entre Inia e André. Suas almas se completam e a ligação é feita nas quatro bases essenciais para um relacionamento dar certo.

Mas como estamos presenciando um romance regado a magia indígena também vemos o quanto o amor precisa ser forte entre um casal para que eles possam vivenciá-lo.

Em todas as lendas os índios afastavam os casais que se amavam lhes impondo punições por ousarem seguir a voz do coração.

A Marcela descreve as cenas com uma riqueza de detalhes que parece que estamos ali ao lado dos personagens como suas sombras lhes seguindo durante esta aventura.

A Amazônia é um mundo dentro do Mundo. São culturas diferentes das que estamos acostumados. As lendas demonstram o quanto o povo exercita sua fé no impossível.

Unir as lendas num romance nos faz refletir sobre seus significados. A Inia teve que passar por uma "iniciação" nesse mundo lendário. Conheceu o amor e a desilusão. Passou por testes físicos e emocionais. E terminou com o coração transbordando de magia.

Ela demonstrou ser uma pessoa determinada que não teme o desconhecido e vai atrás do que acredita ser o seu destino. Não se deixa abalar pelos obstáculos. Pelo contrário, os supera e segue em frente.

O grupo acabou se tornando uma equipe e isso se torna uma parte muito bacana na história pois eles se protegem tanto física quanto emocionalmente.

Com a narrativa da Marcela pudemos entrar neste universo paralelo das lendas amazônicas e irmos de encontro com o nosso ser.

É uma viagem pelo coração do Planeta que pulsa dentro de nós mesmos. 

No final do livro ficamos com um gostinho de quero mais. Agora fico imaginando como será a aventura vivida pela Inia e pelo André na Baía de Sarasota.



Um leve bater de asas *O:-) anjinho  *O:-) anjinho  para todos!!!!

Khrys Anjos

2 comentários:

  1. Obrigada pela resenha Khrys.
    O segundo livro da saga de Inia, que se chama A vingança do Canaimé já está sendo escrito.
    Um grande abraço
    Marcela Marques Monteiro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou muito fã do seu livro e por acaso to lendo novamente, é agora que sei do seu outro livro irei ler também :-)

      Excluir